8.5.10

Me perdi tentando fugir, te encontrei e não voltei.

Quando não consigo me cuidar, eu fujo do meu pensamento e aí eu me perco. Não posso deixar de me cuidar. Mas agora, a cada segundo que passa, eu fujo mais, e mesmo fugindo isso não me satisfaz. Meu pensamento, só ele não tem força nenhuma. Se penso num abraço, não é o pensar que vai me fazer acabar com a vontade do abraço. Eu sou assim, sonho demais, fujo demais, penso demais. E isso acaba comigo, mas não acaba com a vontade. Falando em vontade... Hoje queria um abraço seu, por favor, não me negue um abraço.

Um comentário:

hmelodies disse...

menine talentosa *-*