24.9.09

Em meus braços eu guardo teus abraços só pra te esperar .

Minhas mãos querem tocar as suas. Do meu lado eu guardo teu lugar. Os meus olhos te vêm, sem ao menos você estar por perto. Minha boca quer gritar apenas seu nome. Não páro de pensar em ti, nada que eu faça mudará minha vontade de te abraçar e finalmente agradecer por estar ao meu lado. Minha felicidade está guardada apenas pra ti. E quando eu estiver presa em um mundo só meu a tua espera, eis que surgirá você, pra encher de brilho meus olhos. No mundo pode existir mais de 6 bilhões de pessoas, mas a certeza é que eu quero estar perto de apenas uma . A qual meu sorriso pertencerá a apenas ela. Minha boca apenas irá querer falar com ela. E meu mundo vai passar a ser resumido, apenas nela.

7 comentários:

Vinicius Colares disse...

muito romântica!!!!!

nane-chan disse...

e o amor se demostra em simples palavras.
Vejo escrito amor nessas palavras.

Parabéns pelo blog.

30 e poucos anos. disse...

Alguem está apaixonada heim?

Brigadeiro disse...

Gosto de textos assim como o seu flor...
Que consegue em poucas e simples combinações de palavras transmitir os mais intensos e puros sentimentos que uma pessoa pode sentir...

Parabéns pelo belo texto, riqueza nas palavras, ousadia e coragem de escrever o que pensa e sente...

Você é uma das minhas!

parabens pelo blog, esta expetacular!

Se puder visite o meu

http://euvoustar.blogspot.com

Lílian disse...

adorei me indentifiquei muito
parabens .

Brothers N'Roll disse...

Muito Legal seu blog.
Estou te seguindo!

http://brothersnroll.blogspot.com/

Anna Carla disse...

Isso me dá agunia. Suas palavras são tão fortes, que me faz visualizar toda uma cena. Toda uma cena que meus olhos não queriam ver. Sinto meu estômago girar, e só não grito porque não tenho garganta. O ar falta e eu sei que o que realmente me falta é pulmão. A falta dela está me doendo demais. Está me deixando realmente confusa. Estou começando a me questionar coisas que não me agradam nem um pouco. Vontade de sair correndo para quem sabe o vento forte calar minha face mórbida.

Enfim, obrigada pelas palavras e por "emprestar" um comentário para que eu desabafe sobre minha própria vida. Suas palavras estão mexendo comigo.