26.8.10

Realidade.

Quanta falsidade, e quanta covardia. Quanto desamor. A ilusão não funcionou. Podemos não saber de tudo, mas sabemos de muitas coisas. Por mais que não pareça. As pessoas não cansam? Por que insistem em continuar falando coisas que não fazem a menor diferença para elas, mas que só acabam magoando as outras quando a realidade é revelada? As coisas passam a não ter mais nenhum sentido quando acreditamos que não há sentido. As pessoas podem tentar fugir do amor, e dizer que ele não é necessário, mas nós sabemos que isso não é verdade.




Essas pessoas precisam ir embora.

4 comentários:

Guilherme Augusto Codignolle Souza disse...

Muito bom... Novamente me surpreendendo e... Inspirando. ^^

Texto que publiquei em meu blog após ler o seu post.

http://codignolle.blogspot.com/2010/08/esclarecendo.html

Link para a home do meu blog:

http://codignolle.blogspot.com/

Abraços

Lara Oliveira. disse...

Adorei o texto, muito mesmo. Fazia tempo que não visitava teu blog, parabéns mesmo. Adorei o novo layout!
Beijos.

Caroline disse...

Adorei seu blog e os textos! Parabéns! Estou seguindo.

beijos.

Narelly Batista disse...

Belas palavras.
Blog lindo SEGUINDO JÁ.